skip to Main Content
Declaração “desastrosa” Do Coordenador Da Câmara De Agronomia Repercute Junto Aos Técnicos Agrícolas

Declaração “desastrosa” do coordenador da Câmara de Agronomia repercute junto aos Técnicos Agrícolas

Causou indignação em toda a categoria dos Técnicos Agrícolas a declaração do coordenador da Câmara de Agronomia do CREA/RS, Eng. Agr. Mauro Cirne, de que só um profissional de nível superior possui os conhecimentos técnicos necessários para assinar um Receituário Agronômico. “Valorizamos e destacamos a importância dos Técnicos Agrícolas, mas essa não é uma briga por mercado de trabalho, é questão de conhecimento”, vangloriou-se.

Tudo isso aconteceu na tarde de sexta-feira (08), em reunião realizada na CEAGRO, onde foi debatido o PL 3.200/2015, de autoria do deputado Covatti Filho, que tem como objetivo substituir a atual Lei de Agrotóxicos (7802/1989) e que teve o Deputado Federal Afonso Hamm como convidado. O SINTARGS repudia tal manifestação, lamenta profundamente a opinião corporativista do coordenador da CEAGRO e acredita que essa não é opinião do Deputado Afonso Hamm. “Ao que parece, Mauro Cirne desconhece todas as atribuições profissionais presentes na sua legislação, a Lei Federal nº 5.524/68 e o Decreto Federal nº 90.922/85, que garante o direito de o Técnico Agrícola prescrever receituário agronômico”, afirma o presidente do SINTARGS, Roberto Rech.

Para o coordenador da Associação dos Técnicos Agrícolas do Brasil – ATABRASIL, Carlos Coelho esse é mais um motivo que justifica a criação do Conselho Profissional dos Técnicos. “O desmembramento dos técnicos industriais e agrícolas do CONFEA/CREA é, sem dúvidas, a melhor resposta a esse tipo de atitude discriminatória e preconceituosa”, afirma Coelho. Curiosamente no dia 3 de junho o Sindicato recebeu o coordenador da CEAGRO para discutir a Norma de Fiscalização nº 02/2150, que regulamenta a utilização do receituário agronômico, tanto para os engenheiros quanto para os técnicos. Em cada ocasião um discurso, uma cara. Amanhã, como será?

Legenda: Dirceu Boniatti (E), Eng Agr Mauro Cirne e Roberto Rech

Assessoria de Imprensa do SINTARGS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.